A Vitória fora dos Cages de Alan dos Santos

No início do ano de 2016 o atleta da MMA da Astra Fight Team, Alan dos Santos, descobriu um câncer (seminoma clássico  de testículo) com um tumor de 21cm localizado na região do abdômen.
Alan tinha feito seu último combate no evento Arena Tour da Argentina com ótima atuação, que resultou no prêmio de nocaute da noite, vinha com treinos intensos para uma possível luta no AFC (Áspera Fight Championchip) qual não foi possível pelo diagnóstico após fortes dores abdominais.

Foram 28 sessões de quimioterapia, e apesar das diversas reações no organismo, ele nunca parou de treinar e se tornou inspiração e motivação para toda sua equipe, alunos e amigos. A equipe de Alan é a Astra Fight Team de Balneário Camboriú que tem como treinador e responsável, Marcelo Brigadeiro.

 Em conversa com o atleta, ele confirmou que esta curado e já liberado pelo médico para lutar.

“Já estava me sentindo muito bem, e quando peguei os exames só se confirmou o que Deus já tinha me mostrado, era mais uma Vitória, talvez a maior da minha vida “

Como já recebeu liberação médica e intensificou os treinos, segundo ele o retorno aos cages promete ser triunfal.

” Bem as expectativas são as melhores, estou um ano e meio sem lutar e ainda ter passado por todo esse  tratamento contra o câncer  me deu mais vontade ainda de lutar, faz pouco  mais de 60 dias que terminei o tratamento  de quimioterapia e já estou conseguindo fazer treinamentos em alto nível para proporcionar  um verdadeiro espetáculo para meus fãs amigos e todos que torceram pela minha melhora, esse vai ser o presente que vou dar a eles, estou com muita vontade de lutar e de viver fazendo as coisas que amo, e lutar é  uma delas.
Estou  a disposição  de qualquer organização, quem quer ter um espetáculo de MMA em seu evento é só falar com meu empresário e  acertar as negociações. Estou pronto, estou de volta. “

A produtora Camila Nobre que atualmente assumiu a assessoria de imagem do atleta, contou que em 2017 o ano será de levantar Alan na mídia e fazer com que a história dele também sirva de motivação para mais lutadores.

” A ideia é usar  toda essa fase difícil que ele passou, em prol de motivar mais pessoas a não desistirem da luta diária contra qual quer que seja o problema que estiverem enfrentando.
Alan já tem um grande potencial como lutador e uma imagem maravilhosa na sociedade, então só vamos dar mais ênfase a isso. 2017 é o ano dos recomeços e vai ser um ano muito especial pra ele, já estamos trabalhando forte nisso. “

Categorias
MMA




Relacionados