Poliana Botelho busca mais o combate e vence na estreia no UFC – Foto: Getty Images

Poliana Botelho estreia com vitória sobre Pearl González no UFC 216

Poliana Botelho estreou no Ultimate com o pé direito. Em sua primeira luta na organização, a brasileira venceu a americana Pearl González por decisão unânime dos juízes (triplo 30-27).

A luta começou com as duas lutadoras trocando golpes, mas Pearl González encurtou a distância e agarrou Poliana Botelho levando o combate para as grades. A americana passou a conectar joelhadas enquanto a brasileira respondia com cotoveladas na lateral da cabeça da rival. González tentava colocar o confronto para o chão, mas a mineira conseguia se manter em pé até o árbitro botar a luta novamente no centro do octógono, mas o duelo voltou a ficar nas grades, mas dessa vez a atleta da Nova União passou a pressionar e conectou bons golpes para levar a melhor.

O segundo round começou com Poliana Botelho indo para cima buscando a trocação, mas Pearl González novamente agarrou a brasileira e levou o confronto para as grades tentando derrubar Poliana que se defendia muito bem e conectava diversas cotoveladas na adversária até o árbitro colocar o duelo novamente no centro do octógono. A atleta da Nova União aproveitava o cansaço da adversária e conectava bons golpes novamente levando a melhor.

Pearl González retornou para o terceiro e último round repetindo a tática dos dois assaltos anteriores de colocar Poliana Botelho nas grades. A brasileira continuava a conectar diversos golpes na adversária. No último minuto, a atleta da Nova União aproveitou o cansaço americana e acertou dois chutes que fizeram González sentir.  No final do assalto, a mineira aproveitou e derrubou a oponente para terminar a luta por cima no chão.

Em duelo bem movimentado, Bobby Green e Lando Vannata empatam

O duelo entre Bobby Green e Lando Vannata foi bastante equilibrado, vindo de derrotas, os dois lutadores buscaram o ataque durante os 15 minutos e mostraram muita resiliência para sobreviver aos momentos de pressão um do outro, empolgando os fãs que chegaram cedo ao evento. No final, um empate fez jus ao combate e não desagradou nenhum dos dois atletas, nem os espectadores.

Em duelo equilibrado, Cody Stamann vence Tom Duquesnoy

A última luta do card preliminar colocou frente a frente duas promessas do peso-galo (até 61kg). Após um duelo bastante equilibrado o americano Cody Stamann teve trabalho, mas conseguiu a vitória contra Tom Duquesnoy por decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29 e 30-27). Com a vitória, o americano chegou ao nono triunfo consecutivo sendo, já o francês conheceu a primeira derrota na carreira.

Confira os resultados do card preliminar do UFC 216

Cody Stamann venceu Tom Duquesnoy por decisão dividida (29-28, 28-29, 30-27);

Bobby Green e Lando Vannata terminou em empate dividido (29-27, 27-29, 28-28);

Poliana Botelho venceu Pearl Gonzalez por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27);

Matt Schnell venceu Marco Beltran por decisão unânime (30-27, 29-28, 30-27);

John Moraga venceu Magomed Bibulatov por nocaute a 1m38s do 1º round;

Brad Tavares venceu Thales Leites por decisão unânime (30-27, 30-26, 30-26).

Categorias
MMA




Relacionados