Marlon Sandro finalizou Diego Arturo ainda no round inicial - Foto: Natalino Werneck

Marlon Sandro finaliza Diego Arturo na luta principal do Shooto Brasil 74

A 74ª edição do Shooto Brasil fez jus às expectativas que cercavam o evento. Na inauguração de sua nova casa, a Upper Arena, na Zona Sul do Rio de Janeiro, na noite deste domingo, dia 27 de agosto, o show teve emoções de sobra. Na luta principal o veterano Marlon Sandro finalizou o peruano Diego Arturo com pouco mais de um minuto de luta para festa do público presente, que também vibrou muito com as vitórias dos multicampeões de jiu-jitsu Rodolfo Vieira e Bruno Malfacine, também por finalização, sobre Fagner Rakchal e Romário Boaes, respectivamente.

A luta principal do Shooto Brasil 74 colocou frente a frente o veterano Marlon Sandro, um dos líderes da Nova União e o peruano Diego Arturo em um duelo internacional. Vestido de Gladiador, sua marca registrada, Marlon ganhou a companhia dos filhos que também entraram a caráter ao seu lado. E a presença da família parece ter motivado o ex-lutador do Bellator e do Pancrase. Aos 40 anos ele mostrou um ímpeto de menino e encurralou Arturo assim que o duelo começou. Logo após o primeiro minuto, conseguiu uma boa queda e ajustou um lindo katagatame para pôr fim ao combate e conquistar sua 29ª vitória na carreira.

“Foi uma luta bem tranquila, saiu tudo conforme eu tinha planejado, que era colocar a luta no chão e finalizar. Sabia que sempre que ele cai no chão ele vira de lado, já estava treinando bastante o katagatame, fiz bastante escolinha de Jiu-Jitsu, treinei muito e graças a Deus deu muito certo”,disse.

Os embates mais aguardados da noite certamente eram o dos companheiros de American Top Team, Rodolfo Vieira e Bruno Malfacine. Multicampeões no jiu-jitsu os dois estão no início das trajetórias no MMA. Rodolfo fez apenas sua segunda luta e Malfacine sua estreia. Apesar do resultado final ser o mesmo, os dois passaram por situações distintas durante os duelos.  Rodolfo teve dificuldades diante de Fagner Rakchal e só conseguiu a vitória com um katagatame a poucos segundos do fim, já Bruno não teve dificuldades para impor sua estratégia e finalizou Romário Boaes ao encaixar um armlock ainda no primeiro round.

O evento coroou ainda três novos campeões, Luan Danger, pelos moscas, e Geraldo de Freitas, pelo galos. Ele destronaram Jafel Filho e Luciano Benício, respectivamente. Já Jhonata Silva, pelos palhas, venceu Yan Teixeira e faturou o cinturão vago até então. O evento teve outras seis lutas com destaque para a vitória de Pedro Falcão sobre o ex-UFC Iliarde Santos.

Ex-TUF Brasil 4, Fernando Açougueiro vence primeira luta após saíds do UFC

O Shooto Brasil 74 também colocou no cage dois atletas com passagem pelo UFC. Em sua primeira luta após a saída do Ultimate, o vice campeão do TUF Brasil 4 Fernando Açougueiro levou a melhor sobre Edilson Teixeira por decisão unânime. Já o veterano Iliarde Santos não teve a mesma felicidade e foi superado por Pedro Falcão também por decisão unânime.

Confira os resultados do Shooto Brasil 74

Marlon Sandro finalizou Diego Arturo com um katagatame a 1min e 56 seg do primeiro round

Rodolfo Vieira finalizou Fagner Rakchal com um katagatame aos 4min 46 seg do terceiro round

Geraldo de Freitas venceu Luciano Benício por decisão unânime

Pedro Falcão venceu Iliarde Santos por decisão unânime

A luta entre Jeferson Minotauro e Handesson Boy Doido terminou em empate majoritário

Luan Danger finalizou Jafel FIlho com um mata-leão aos 2min e 55 seg do terceiro round

Fernando Bruno venceu Edilson Teixeira por decisão unânime

Bruno Malfacine finalizou Romário Boaes com uma chave de braço a 1 min e 34seg do primeiro round

Jonatha Silva venceu Yan Teixeira por decisão unânime

Renato King venceu Armando Sapinho por nocaute técnico (socos) aos 4:25 do segundo round

Carlos Eduardo Carlin finalizou Elvis Batista com um mata-leão a 4min e 46seg do primeiro round

Jessica Correa venceu Joice Mara da Silva por decisão unânime

Categorias
MMA




Relacionados