Derrick Lewis conseguiu virada impressionante sobre Travis Browne – Foto: Getty Images

Derrick Lewis se recupera e nocauteia Travis Browne na luta principal do UFC Fight Night 105

A luta principal do UFC Fight Night 105 foi um verdadeiro choque de gigantes e não faltou emoções para o duelo Derrick Lewis e Travis Browne, que aconteceu no último domingo (19) em Halifax, Canadá. O combate levantou o público com uma luta franca, com várias reviravoltas e que terminou com nocaute de Lewis aos aos 3m12s do segundo round.

O duelo começou com Travis Browne conectando chutes, um frontal e outro baixo. Após um um chute na linha de cintura, fez Derrick Lewis sentir e colocar as mãos na altura da costela. O namorado de Ronda Rousey não aproveitou o melhor momento e aos poucos Lewis foi se reencontrando na luta e após acertar uma bomba de direita conseguiu o knockdown. Browne procurava não se expor, mas acertou outro golpe na região onde o adversário acusou dor, mas não conseguiu finalizar o duelo. Derrick ainda levou perigo no fim do round.

No segundo round, Travis Browne voltou mais confiante, mas Derrick Lewis conseguiu a reviravolta ao encaixar uma bela sequência de golpes que fez o namorado de Ronda Rousey sentir. Em perigo, Browne tentou a montada, mas caiu com Lewis na montada. Travis Browne tentou se levantar, mas foi derrubado de novo, desta vez com a meia-guarda. No ground and pound, ele conectou diversos socos, mas permitiu que Browne ficasse de pé. Se recuperando no combate, o namorado de Ronda Rousey foi para cima, mas se abriu e ganhou como resposta uma nova sequência de golpes que o fez ir à lona.

Após a vitória Derrick Lewis recebeu atendimento, na entrevista falou sobre o golpe que levou e revelou um inusitado problema intestinal.

“O problema não foi tanto as costelas, mas, sim, uns problemas intestinais. Ele falou muito, mas não conseguiu colocar as mãos em mim direito. Agora, a gente tem que voltar e analisar. Acho que os últimos dois meses foram um pouco prejudiciais para mim e não pretendo lutar pelos próximos três meses”, afirmou Lewis.

Com a vitória, Derrick Lewis chegou ao sexto triunfo consecutivo, já Travis Browne chegou a sua terceria derrota consecutiva.

No co-main event da noite, Johny Hendricks e Hector Lombard fizeram um duelo de muita força, com os dois lutadores  buscando o nocaute até o final do terceiro round. Hendricks mostrou boa movimentação e conseguiu conectar bons golpes, que lhe garantiram a vitória por decisão unânime.

Um dos grandes destaques do card principal ficou por conta da estreia de Gavin Tucker. O canadense, invicto com 10 vitórias, mostrou muita agilidade e técnica e deu um verdadeiro show ao vencer Sam Sicilia por decisão unânime.

Confira os resultados do UFC Fight Night 105

CARD  PRINCIPAL

Derrick Lewis venceu Travis Browne por nocaute técnico aos 3m12s do segundo round

Johny Hendricks venceu Hector Lombard por decisão unânime (30-27, 30-27 e 29-28)

Gavin Tucker venceu Sam Sicilia por decisão unânime (triplo 30-27)

Elias Theodorou venceu Cezar Mutante por decisão unânime (30-27, 29-28 e 29-28)

Sara McMann venceu Gina Mazany por finalização a 1m14s do primeiro round

Paul Felder venceu Alessandro Ricci por nocaute técnico aos 4m44s do primeiro round

CARD PRELIMINAR

Santiago Ponzinibbio venceu Nordine Taleb por decisão unânime (triplo 29-28)

Randa Markos venceu Carla Esparza por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28)

Aiemann Zahabi venceu Reginaldo Vieira por decisão unânime (30-27, 29-28 e 29-28)

Thiago Marreta venceu Jack Marshman por nocaute técnico aos 2m21s do segundo round

Gerald Meerschaert venceu Ryan Janes por finalização a 1m34s do primeiro round

Categorias
MMA




Relacionados