braveassessorados_Resumo_016
Foto: Renato Nogueira/FotoNaLuta

Cleiton Predador estreia no Brave 11 com vitória

Atleta mineiro dominou seu combate, mostrando superioridade frente à um adversário perigoso
braveassessorados_Resumo_017

Foto: Renato Nogueira/FotoNaLuta

Após se destacar no cenário nacional, Cleiton Predador teve a oportunidade de mostrar seu talento em uma grande organização internacional e não despediçou a chance ao vencer Ahmed Amir por nocaute técnico no segundo round na 11ª edição do Brave Combat Federation, que foi realizada na última sexta-feira (14) em Belo Horizonte.

Em sua estreia no Brave, Cleiton Predador fez sua primeira luta internacional e mostrou seu cartão de visitas após conquistar uma grande vitória por nocaute técnico sobre Ahmed Amir aos 4:21 do segundo round. O mineiro falou sobre a vitória e creditou o triunfo a um bom trabalho realizado na preparação.

“A vitória foi muito boa e dentro do esperado, já que eu treinei muito e tive uma excelente preparação para encarar o Amir, pois sabia que ele vinha de algumas vitórias, vitórias por finalização, então eu sabia que ele ia querer me colocar para baixo. A vitória era esperada por causa do trabalho, a gente fez um trabalho muito duro aqui na Full House, com apoio da equipe e da minha esposa, por isso acredito que foi uma vitória merecida. Também não posso esquecer da ajuda do Lucas, meu preparador físico, que colocou meu gás em dia. Foi duro, muito difícil, mas merecido pelo trabalho árduo e a gente colheu o fruto disso com esse nocaute técnico”, disse.

Aos 32 anos, Cleiton Predador chegou ao Brave após se destacar no cenário nacional e teve sua primeira oportunidade em uma luta internacional. O mineiro falou sobre a sensação da estreia na organização.

“Foi perfeito, uma sensação maravilhosa por estar participando de um evento grande, é sinal que o trabalho vem sendo reconhecido. Confesso que deu aquele frio na barriga, fiquei nervoso sim, pois a gente fica um pouco ansioso, mas a sensação foi a melhor possível de estar participando de um evento do porte do Brave, foi maravilhoso”, disse Cleiton Predador que também fez questão de elogiar a organização do evento.

“Achei a organização do evento sensacional, nos deu todo o suporte, gostei muito e só tenho que parabenizar. Achei um dos eventos mais organizados que participei, o melhor que participei até hoje”, disse.

Após a vitória, Cleiton Predador espera ter agradado os dirigentes do Brave e fala sobre o futuro na organização.

“Eu creio que consegui deixar uma boa impressão, já que foi uma vitória bem contundente contra um grande adversário, nada que deixasse dúvida. Foi uma grande vitória e espero ter causado uma grande impressão. Agora é continuar treinando e esperar uma nova oportunidade para mostrar meu trabalho de novo. Espero que com essa vitória e com o que a gente mostrou nesse evento, eles possam reconhecer e me dar a oportunidade de estar fazendo mais lutas para tentar chegar ao cinturão do Brave. A ideia é chegar para fazer história, é o que eu quero. Quero encarar os melhores e ir buscar o cinturão e estou treinando muito para isso”, finalizou.

Por: Thiago Duval

braveassessorados_Resumo_014

Foto: Renato Nogueira/FotoNaLuta

Categorias
EsportesLutasMMA

Relacionados