Roy Jones Jr aponsentadoria
oy Jones Jr. vence Scott Sigmon em sua última luta como boxeador profissional – Reprodução Fight Pass

Roy Jones Jr. vence luta de despedida do boxe e desafia Anderson Silva

Um dos maiores nomes da história do boxe, Roy Jones Jr. colocou um ponto final em sua carreira. Aos 49 anos, o americano subiu no ringue pela última vez na madrugada da última sexta-feira (09) em Pensacola, sua cidade natal, na Flórida (EUA), e derrotou Scott Sigmon na decisão unânime dos juízes. Mas existe um lutador que pode fazer Jones voltar aos ringues, Anderson Silva

Durante os 10 assaltos, Roy Jones Jr. mostrou que ainda tem muita habilidade e disposição para dominar o confronto e levar a melhor na decisão unânime dos juízes: triplo 98-92.

Após a vitória o americano falou sobre a possibilidade de enfrentar Anderson Silva e disse que enfrentar o brasileiro seria a condição para voltar aos ringues.

“Dana (White, presidente do UFC), eu sei que você está me ouvindo. Sei que o Anderson está suspenso. Mas essa seria a única luta que faria Roy Jones voltar ao ringue. Sem ser isso, capítulo encerrado”, declarou.

Roy Jones Jr. pendurou as luvas aos 49 e com um cartel de 66 vitórias, apenas nove derrotas e oito títulos mundiais. O americano começou a carreira de boxeador profissional em 1989, antes Jones foi medalhista de prata na Olimpíada de Seul-1988 uma das decisões mais contestada da história dos Jogos. O norte-americano foi campeão nas categorias médio e supermédio pela Federação Internacional de Boxe, na categoria pesado pelo Conselho Mundial de boxe e na categoria semipesado pela Federação Internacional de Boxe, pelo Conselho Mundial de boxe, pela Associação Mundial de Boxe, pela Organização Mundial de Boxe, pela Federação Mundial de Boxe, pela Federação Americana de Boxe e pela Associação Internacional de Boxe.

Categorias
Boxe

Relacionados